Escutar, confiar e pôr em prática

Na Audiência de hoje o Papa nos trouxe como exemplo de oração o relacionamento de Abraão com Deus, comentando "que rezar com fé significa escutar, dialogar e até mesmo discutir, mas sempre dispostos a acolher a palavra de Deus e pô-la em prática."

Da Igreja e do Papa

Continuando a catequese sobre a oração, hoje veremos como Abraão é para nós o modelo de quem escuta a voz de Deus e confia na sua palavra.

O Livro do Gênesis nos conta como Abraão prontamente respondeu a Deus que o chamou a deixar a sua pátria rumo a uma terra desconhecida, fiando-se totalmente da promessa divina. Assim, dava início a um novo modo de a humanidade se relacionar com Deus, ou seja, com uma fé que enraizava na própria história pessoal: Deus deixava de ser distante, mas acompanha os passos do homem, guiando a sua vida com a Providência.

Por isso, Abraão é o homem da Palavra, que se deixa conduzir por Deus, num caminho que às vezes se faz árduo e até incompreensível, como no drama que Abraão enfrentou ao ser-lhe pedido o sacrifício do seu filho Isaac. Porém, apesar dos obstáculos, Abraão permaneceu fiel, totalmente disponível a Deus, ensinando-nos assim que rezar com fé significa escutar, dialogar e até mesmo discutir, mas sempre dispostos a acolher a palavra de Deus e pô-la em prática.