Deus nos chamou para vivermos como filhos livres

O Papa Francisco deu continuidade ao ciclo sobre os Mandamentos, falando do texto inicial do Decálogo. “Deus não nos chamou à vida para permanecer oprimidos, mas para ser livres e viver na gratidão.”

Da Igreja e do Papa

Cerca de 15 mil fiéis enfrentaram o calor do verão romano para participar da Audiência Geral na Praça São Pedro.

A primeira etapa da Audiência foi na Sala Paulo VI, onde os doentes foram acomodados justamente devido ao sol e ali puderam saudar o Pontífice. “O Senhor reserva um lugar especial no seu coração para quem apresenta qualquer tipo de deficiência e assim é para o Sucessor de São Pedro”, disse o Papa.

Já na Praça, Francisco deu continuidade ao ciclo sobre os Mandamentos, falando do texto inicial do Decálogo. Os Dez Mandamentos começam com a seguinte frase: “Eu sou o Senhor teu Deus, que te fiz sair do Egito, da casa da servidão” (Ex, 20,2).

AUDIÊNCIA GERAL

Praça São Pedro
Quarta-feira, 27 de junho de 2018

Locutor:

O texto bíblico que narra a entrega dos Dez Mandamentos à humanidade começa com a seguinte frase: “Eu sou o Senhor teu Deus, que te fiz sair do Egito, da casa da servidão” (Ex, 20,2). Com essas palavras, Deus nos ensina que, antes de transmitir a sua Lei, Ele quer que façamos experiência da sua ação redentora nas nossas vidas. Por isso, Deus se apresenta como o ‘nosso Deus’, não alguém distante, mas um Pai que nos ama e que enviou Seu Filho Unigênito por amor.

Com isso, descobrimos que o segredo do agir do cristão é o agradecimento. Assim, entendemos também o porquê de muitas pessoas terem dificuldade para acolher a fé cristã: às vezes, apresenta-se a Lei, as obrigações, antes da experiência da libertação. Por isso, é necessário fazer sempre memória de tudo o que Deus fez por nós. E aqueles que não fizeram experiência dessa libertação de Deus, fazer como fez o povo eleito: devem clamar para que sejam socorridos. Desse modo, faremos que a nossa vida cristã se converta numa verdadeira ação de graças ao ‘nosso Deus’, que é um Pai generoso


Locutor:

Dirijo uma cordial saudação aos grupos vindos de Portugal e do Brasil e demais peregrinos de língua portuguesa, desejando que esta visita por ocasião da Solenidade dos Santos Apóstolos Pedro e Paulo possa confirmar a todos na fé, esperança e caridade. Que Nossa Senhora vos acompanhe e proteja!

Recursos relacionados com esta catequese do Papa Francisco

O que são os dez mandamentos? Quais são?

Explicação de cada um dos 10 Mandamentos:

1. Amar a Deus sobre todas as coisas.
2. Não tomar seu santo nome em vão.
3. Guardar domingos e festas de guarda.
4. Honrar Pai e Mãe.
5. Não matar.
6. Não pecar contra a castidade.
7. Não roubar.
8. Não levantar falso testemunho.
9. Não desejar a mulher do próximo.
10. Não cobiçar as coisas alheias.