Meios para receber formação cristã

Direção espiritual, retiros, palestras doutrinais e aulas de catecismo são algumas das atividades que o Opus Dei organiza para ajudar a quem deseja melhorar sua vida espiritual e seu afã evangelizador. São realizadas nos centros do Opus Dei, nas igrejas ou paróquias ou no domicílio de algum participante, e estão abertas a qualquer pessoa.

Opus Dei - Meios para receber formação cristã Os meios de formação cristã estão abertos a qualquer pessoa

«A principal atividade do Opus Dei consiste em dar aos seus membros, e às pessoas que o desejem, os meios espirituais necessários para viverem como bons cristãos no meio do mundo», explicava o fundador.

MEIOS DE FORMAÇÃO

Os fiéis da Prelazia assistem a aulas semanais, também chamadas círculos, sobre temas doutrinais e ascéticos. O recolhimento mensal consiste em dedicar algumas horas, um dia por mês, à oração pessoal e à reflexão sobre temas de vida cristã. Além disso, uma vez por ano, os fiéis da Prelazia assistem a um retiro que, normalmente, dura de três a cinco dias.

Meios de formação similares são igualmente oferecidos aos cooperadores, aos jovens que participam do trabalho apostólico da Prelazia e a qualquer pessoa que deseje recebê-los.

A formação é ministrada nas sedes dos centros da Prelazia do Opus Dei e em outros lugares apropriados. Por exemplo, pode-se ter um círculo na casa de algum dos assistentes; um recolhimento, numa igreja que o pároco permita utilizar para essa finalidade durante algumas horas, etc.

APOSTOLADO

A evangelização que cada fiel da Prelazia realiza ao seu redor é o apostolado mais importante do Opus Dei. Trata-se de um trabalho de testemunho e de ajuda no trabalho e nas circunstâncias habituais em que se desenvolve a existência de cada um.

"A principal atividade do Opus Dei consiste em dar aos seus membros, e às pessoas que o desejarem, os meios espirituais necessários para viverem como bons cristãos no meio do mundo", dizia São Josemaria.

Consequentemente, o trabalho que realizam os membros do Opus Dei não se limita a um campo específico, como a educação, a atenção aos enfermos ou a ajuda aos deficientes. A Prelazia propõe-se recordar que todos os cristãos, seja qual for a atividade profissional a que se dediquem, devem cooperar para solucionar de uma forma cristã os problemas da sociedade e dar testemunho constante da sua fé no lugar onde estão.

OBRAS CORPORATIVAS

As obras de apostolado corporativo são promovidas por fiéis do Opus Dei e cooperadores, juntamente com outras pessoas, e têm a garantia moral da Prelazia, que se encarrega da sua orientação cristã. São iniciativas de caráter civil, sem fins lucrativos e com uma finalidade apostólica e de serviço.

Entre as obras corporativas existem instituições educacionais e assistenciais, como colégios, universidades, centros para a promoção da mulher, postos de saúde em regiões pobres, escolas para camponeses, institutos de formação profissional, residências de estudantes, centros culturais etc. A Prelazia não se ocupa de empresas comerciais, políticas, nem de atividades com fins lucrativos.

A plena responsabilidade da titularidade e gestão das obras de apostolado corporativo corresponde sempre aos seus promotores e não à Prelazia do Opus Dei, que se encarrega somente da orientação espiritual e doutrinal. Cada iniciativa financia-se do mesmo modo que qualquer outra da mesma natureza: mensalidades pagas pelos beneficiados, ajudas, doações etc.

Frequentemente, as obras de apostolado corporativo são deficitárias, pelo tipo de atividade que realizam e porque não possuem fins lucrativos. Por esse motivo, costumam receber - além das já mencionadas doações dos fiéis do Opus Dei, dos cooperadores e de muitas outras pessoas - subvenções oficiais que as autoridades públicas prevêem para as atividades de interesse social, assim como ajudas de fundações privadas e empresas.